Capa

Bruno Bethlem e Dante Bianchi são campeões do Brasileiro de Snipe 2023

29.01.2024  |    427 visualizações CBVELA CBVela Olímpicos

Com disputas acirradas, competição nacional foi encerrada no último sábado (27), no Iate Clube do Rio de Janeiro (RJ)

O título do Campeonato Brasileiro de Snipe ficou com os anfitriões. Em competição sediada no no Iate Clube do Rio de Janeiro (RJ), a parceria carioca entre Bruno Bethlem e Dante Bianchi confirmou o título para os donos da casa. A medalha de prata ficou com Felipe Rondina e Andrey Godoy, e o bronze com Mario Tinoco e Alexandre Muto.

Após oito regatas disputadas, Bruno e Dante chegaram aos 49 pontos e levantaram o troféu. Felipe e Andrey alcançaram os 50 pontos, com Mario e Alexandre batendo os 64 pontos.

A competição nacional teve 118 duplas, um recorde na história da classe nacional. Além disso, a classe mostra crescimento e rende títulos com atletas jovens e experientes.

“O ano de 2023 foi um ano histórico para a classe 420 nacional. Essa união da classe é fundamental e mostra os resultados de nível nacional e internacional. Estamos gratos ao apoio do Iate Clube do Rio de Janeiro e também da CBVela - Confederação Brasileira de Vela. 2024 já começou espetacular com o ótimo desempenho dos velejadores no Brasileiro e esperamos mais conquistas e união da flotilha”, disse Rubem Neto, Presidente da Classe 420, em entrevista para Regras de Regata.

Na flotilha prata, Lucas Mazim e Luciana Figueiredo chegaram na primeira colocação, seguidos por Fabio Kohler e Victor Fonseca em segundo, e na terceira posição, Christian Franzen e Guilherme Takase.

As súmulas oficiais do Brasileiro de 2023 estão disponíveis no site oficial do Iate Clube do Rio de Janeiro: https://www.icrj.com.br/vela/janeiro-24/545-20-a-27-01-campeonato-brasileiro-420.html.

Apoio à vela Jovem

A vela brasileira tem como destaque o Núcleo de Base do programa da Confederação Brasileira de Vela - CBVela junto ao Ministério do Esporte pelo Convênio 920223/2022.

O projeto ajuda no fomento à modalidade desde o ano passado. Sede da Rio 2016 e de outros grandes eventos da vela, a Marina da Glória, na capital fluminense, recebe adolescentes entre 13 e 17 anos para treinos visando eventos nacionais e internacionais da Vela Jovem. Outros campings de treinamento foram realizados no Clube Naval Charitas, em Niterói (RJ). 

O trabalho leva jovens atletas a se aperfeiçoarem na modalidade, com o propósito de levá-los ao alto rendimento, incluindo participações em classes olímpicas e pan-americanas.

Sobre a CBVela

A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: oito. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 19 medalhas em Jogos Olímpicos.

Entre em contato com a equipe On Board Sports:

Flávio Perez e Caio Souza 

flavio.perez@cbvela.org.br

+55 11 99949-8035

 



Leia também...
22.04.2024

O Veleiros do Sul e a CBVela - Confederação Brasileira de Vela realizaram treinos para jovens do ILCA 6 e 7

21.04.2024

Regatas da Semana Olímpica de Hyères contam com 18 atletas brasileiros

18.04.2024

Entidade máxima da vela brasileira busca capacitar profissionais dos dois gêneros

17.04.2024

Velejadores jovens da classe ILCA treinam em Porto Alegre (RS).