Capa

PAB Polo Aquático

Troféu Brasil 2021: Flamengo conquista título em casa e Pinheiros ganha no feminino

Competição terminou neste domingo (08) no Parque Aquático do Flamengo

08.08.2021  |  413 visualizações

O time masculino do Clube de Regatas do Flamengo e do Esporte Clube Pinheiros no feminino são os grandes campeões do Troféu Brasil 2021. A competição, realizada desde terça-feira (03) no Parque Aquático do Flamengo (RJ), reuniu os principais atletas da modalidade do país, no primeiro torneio absoluto do ano organizado pela Liga Polo Aquático Brasil (PAB).

As finais feminina e masculina foram realizadas entre o Clube de Regatas do Flamengo e Esporte Clube Pinheiros neste domingo (08).  

"A competição ocorreu tudo como planejado! Satisfação de receber diversos atletas estrangeiros que gostaram da estrutura e nível de competição do Polo Aquático brasileiro. Agradecer o Flamengo que proporcionou uma ótima estrutura para realizar o Troféu Brasil! A final do Masculino e Feminino foram muito acirradas com Pinheiros e Flamengo, que aumentaram o nível de competição do campeonato. Parabéns para todas equipes pelo esforço e dedicação ao Troféu Brasil!", disse Alessandro Checchinato, presidente da PAB. 

A final masculina começou equilibrada. Os donos da casa saíram na frente no primeiro quarto com 2 a 1. No começo do segundo quarto, o Pinheiros empatou a partida e em seguida tomou a frente, logo após o Flamengo empatar o jogo novamente. 

O terceiro quarto começou com o gol do Flamengo, colocando a equipe carioca na frente. O Pinheiros conseguiu empatar, mas embalados, o time carioca revidou com mais um gol.  No último quarto, o time conseguiu se impor e marcar mais gols para decretar a vitória na Gávea. O placar final foi de 7 a 5.  

"Estou muito feliz pela conquista, acho que esse grupo merece, o clube vem fazendo investimento nessa modalidade, nossa ambição é nos manter nesse patamar e agradeço a estrutura. Estou feliz por estar de volta ao Flamengo, feliz pelo projeto que eles fizeram e acho que realmente a gente mereceu esse título", comentou o atacante do Flamengo, Guilherme Neto.

O MVP e o goleiro menos vazado da competição foi o atleta do Flamengo, João Pedro Fernandes.

"Acabamos de conquistar um título que não era conquistado pelo Flamengo desde 1996. Uma grande alegria fazer parte dessa história colocar meu nome aqui no calçadão do time que tem uma história muito bonita e muito grande, além de poder dar uma contribuição para levar esse título para casa. Foi muito bom e eu espero voltar mais vezes para conquistar mais títulos pelo time. É uma grande competição e sem a união do time nada disso seria possível", comentou João. 

A artilharia ficou com sérvio Uros Vasic do Tijuca Tênis Clube, com 19 gols marcados. 

Na disputa do bronze masculino, o Fluminense venceu o SESI em um jogo tenso até o final. A equipe carioca começou o jogo vencendo de 3 a 1 no primeiro quarto. De virada, o SESI fechou o terceiro quarto na frente com 5 a 4 e continuou atacando. 

No último quarto, o Fluminense se aproximou e o jogo ficou empatado. Faltando dois minutos para o jogo terminar, o Fluminense acertou o ataque e marcou o gol da vitória fechando o placar em 7 a 6. 

"Estou muito feliz, conseguimos conquistar o terceiro lugar em uma grande partida contra o SESI. Havíamos perdido a primeira partida na fase de grupos por 6x5, e hoje com um jogo muito bom conseguimos ganhar de 7x6. Parabenizo toda a equipe mesmo com todas as adversidades, os dois italianos que vieram jogar com a gente sem eles nada disso teria sido possível, feliz demais por esse terceiro lugar.", celebrou Vinícius Melges, jogador do Fluminense.

Pinheiros 100% no feminino 

Com 100% de aproveitamento, o Esporte Clube Pinheiros venceu as donas da casa na manhã deste domingo (08). O time comandado por Ives Alonso, venceu as cinco partidas que disputou. O Flamengo começou forte e mesmo com a derrota na partida da fase classificatória, a final foi um jogo bem diferente. O primeiro quarto foi marcado por grandes desarmes dos dois lados e o placar terminou 0 a 0. 

O Flamengo abriu o placar no segundo quarto e logo o Pinheiros empatou e virou o jogo. O time do Flamengo tentou reverter o jogo, mas a equipe paulista foi mais forte e consistente e fechou o jogo com o placar final de 8 a 2.  

"Temos um elenco muito bom, elas treinam forte estou tentando renovar algumas jogadoras mais experientes e colocar para jogar. A final hoje contra o Flamengo já é um clássico. É bem difícil mexer em alguma peça para conseguir ganhar esse título na casa do Flamengo. Uma festa bem bonita que o Flamengo organizou, estamos vindo de um momento difícil de pandemia", comentou o técnico Ives Alonso. 

"Agradecer também ao clube Pinheiros que nos deu todo o suporte, abriu a porta para nós, uma fase difícil para conseguir fazer essa preparação e esse trabalho, foram 24 semanas de treino.
Quero parabenizar o grupo todo por essa conquista, e parabenizar também o Flamengo que é sempre um bom rival", finalizou o técnico. 

A atleta Izabella Chiappini foi eleita a melhor da competição (MVP) e artilheira do campeonato.

"Acabamos de conquistar o campeonato, já era uma coisa esperada pois a gente vem treinando muito e estamos muito felizes com a vitória. Sobre os troféus que ganhei, dou o mérito junto ao meu time, elas estão jogando bem isso e isso é consequência, tudo fruto do elenco", comentou a atleta.  

A disputa da medalha de bronze foi entre ABDA de Bauru e SESI-SP. No jogo, a ABDA atacou desde o começo e venceu a partida por 12 a 07. O clube do interior de São Paulo conquistou a terceira colocação no torneio. 

"Foi um bom campeonato não fomos tão bem quanto esperávamos, mas a cada partida tentamos acertar os erros e fomos crescendo ao decorrer do campeonato, apensar de alguns erros, no jogo de hoje começamos forte, fomos para cima do SESI e conseguimos o terceiro lugar", comentou Letícia Belório, capitã da equipe da ABDA. 

"A terceira posição é muito importante, somos um time bem novo temos que treinar muito ainda, se treinarmos mais, trazer as jogadoras mais novas com a gente (mais experientes),  acredito que conseguimos a final", finalizou Belório. 

No feminino, as cinco equipes jogaram entre si na fase de classificação, as quatro primeiras avançaram para a disputa do bronze e do título. O Tijuca terminou na quinta colocação da competição. 

A competição seguiu todos os protocolos de saúde contra a proliferação do coronavírus, como o uso de máscaras por todo staff, distanciamento social e testes do tipo PCR, regulares. 

Sobre a PAB

A Liga Brasileira de Polo Aquático (PAB) foi criada com o objetivo de difundir a modalidade no Brasil. Para isso ela busca o protagonismo de clubes, atletas e técnicos com foco no fomento do esporte no médio e longo prazo, evidenciando a visão coletiva que representa os interesses do polo aquático.

A Liga Brasileira de Polo Aquático foi fundada com a participação de dez clubes em março de 2016: Club Athletico Paulistano (SP), Clube Jundiaiense (SP), Clube Paineiras do Morumby (SP), Clube de Regatas do Flamengo (RJ), Esporte Clube Pinheiros (SP), Tijuca Tênis Clube (RJ), Fluminense Football Club (RJ), Clube Internacional de Regatas (SP), Serviço Social da Indústria – SESI-SP (SP) e Associação Brasileira “A Hebraica” de São Paulo.

Acompanhe as redes sociais da PAB

A página oficial da PAB no Facebook: https://www.facebook.com/ligapoloaquaticobrasil/

Acompanhe o Twitter: https://twitter.com/LigaPAB

Veja as fotos no Instagram: https://www.instagram.com/poloaquaticobrasil/

Acompanhe os novos vídeos no Youtube:

https://www.youtube.com/channel/UCFz0pL4MkUdNGyGp1blcJnA/about

———————–

Entre em contato com a equipe On Board Sports:

Flávio Perez e Katarine Monteiro

flavio@onboardsports.net | redacao@onboardsports.net

+55 11 99217-6474

 

Leia também...
23.09.2021

Com vitória sobre o Flamengo, a equipe de Bauru manteve 100% de aproveitamento

22.09.2021

O evento conta com os principais jovens atletas de polo aquático do País e segue todos os protocolos exigidos

14.09.2021

Competição será realizada entre os dias 22 e 26 de setembro na Arena ABDA, em Bauru

13.09.2021

Com seis equipes participantes, a competição foi realizada na Arena ABDA, em Bauru (SP)